Pular para o conteúdo principal

Graduados mais de 150 jovens haitianos, fruto da cooperação Brasil-Cuba-Haiti

Leandro Maceo Leyva, enviado especial



PORTO PRÍNCIPE.— Mais de 150 jovens haitianos receberam os diplomas que os acreditam como agentes comunitários de saúde polivalentes e técnicos em manutenção e reparação de equipamentos biomédicos.

O coordenador-geral da brigada médica no Haiti, Norberto Ramos, afirmou que esta graduação é “o resultado do esforço de muitas pessoas”, um exemplo de “quanto podemos fazer juntos”. E ratificou o compromisso de Cuba de “continuar apoiando, com seus modestos esforços, este povo irmão”.

Em nome dos graduados de técnicos em manutenção e reparação de equipamentos biomédicos, Ovil Clervé, considerou “necessária” para seu país esta força técnica, ante a carência da mesma. E manifestou seu agradecimento a Cuba por sua “cooperação desinteresseira e a decisão de ajudar-nos”.

Os dois grupos — 120 agentes comunitários e 32 técnicos — são essenciais na reconstrução do sistema de saúde haitiano e têm sua origem na cooperação tripartida Brasil-Cuba-Haiti.

Os primeiros vão trabalhar na prevenção e promoção do atendimento primário, nomeadamente no programa materno-infantil, e os segundos em melhorar o atendimento médico na população, oferecendo apoio técnico especializado a todo o equipamento médico dos hospitais comunitários de referência, centros de saúde, instituições públicas e mistas do Ministério da Saúde Pública e População do Haiti.

A cooperação com o povo haitiano não se limita ao setor da saúde, também abrange a formação indispensável dos recursos humanos. Os cooperadores cubanos da saúde dão aulas nos dez departamentos da nação caribenha, esforço que permite preparar os especialistas haitianos.

Postagens mais visitadas deste blog

Sopa Receita Joumou - Sopa da Liberdade!

Pra quem gosta de cultura e culinária, ta aí a Sopa da Liberdade!
Era um prato dos Colonizadores, e os escravos não tinham acesso, até à sua Independência. A partir daí, anualmente, no dia 1º de Janeiro (Dia da Independência) eles a celebram degustando essa prato tipicamente Haitiano. Uma boa dica para as Feiras Missionárias no Brasil!
Sopa Receita Joumou
Sexta-feira, 4 de marco de 2011 16:24



O prato monumental da Revolução haitiana, Sopa Joumou, sopa de abóbora, E o Prato De conquistadores. E tradicionalmente servido no Dia da Independência do Haiti, 01 de janeiro, Como hum começo Saudável par o Outro ANO.

Ingredientes
- 1 kg de carne faça Pescoço OU rabo de boi
- 1/2 limão
- Sal fino
- Esmagado pimenta preta
- Água (Suficiente parágrafo cobrir uma carne; Mais Água podem Ser adicionados Mais Tarde parágrafo ajustar uma consistência)
- 2 kg abóbora, descascados e cubbed (alternadamente, utilizar abóbora enlatada)
- 1 cebola Pequena Cortada los cubos
- 2 Talos cebolinha verde picada
- 4 Dentes de…

Pós Furacão Matthew... oportunidade de fazer a diferença!

Nossa família e Equipe missionária estão bem, graças a Deus!
Já estivemos lá na região analisando os danos, prestando uma ajuda inicial a algumas famílias, e elaboramos uma proposta de Plano de Ação Emergencial para nossa agência. Estamos aguardando a decisão do Gabinete de Crise da Junta para agir em favor das vítimas. Ore por isso, ok?
Nesse momento o que é mais urgente é alimento e a restauração dos telhados e casas afetadas pelos ventos. Como a logística de armazenamento, transporte e envio do Brasil para o Haiti é bastante cara, demorada e vulnerável a questões aduaneiras, nossa sugestão é para que enviem recursos financeiros, e o que for arrecadado aí, como roupas, sapatos e outros itens, vocês realizem Bazares e Eventos (almoços ou jantares) para reverter os itens arrecadados em recurso financeiro que será bem mais facilmente transferido e revertido aqui na economia local, em alimentos e materiais de construção.
Para ajudar:
1) Através do "Ajude Agora Haiti" coordenad…

Moringa e Chocolate "Made in Haiti" chegam ao Mercado Norte-americano

Porto Príncipe, 25 de fevereiro de 2016.
Por Haiti Libre

Dois novos produtos haitianos estreiaram no mercado Norte-americano no começo de fevereiro através da Rede "Whole Foods Market", em escala nacional: a "Moringa Green Energy", das Indústrias Kuli Kuli, e as barras de chocolate "Taza Chocolate". Os ingredientes destes dois produtos são comprados diretamente de pequenos produtores agrícolas do Haiti. Este acesso direto ao Mercado, combina ajuda aos agricultores melhorando e desenvolvendo suas capacidades, o que significa um aumento da renda, e beneficiamento dos consumidores nos Estados Unidos de produtos de alta qualidade.
No caso da Moringa, a pioneira é a Organização sem fins lucrativos "Smallholder Farmers Alliance (SFA)", com o apoio da Fundação Clinton. E para os grãos de cacau utilizados na fabricação das barros de chocolate, é a Companhia "Produits des Iles S.A (PISA)".
"Nós ajudamos a conectar os agricultores haitianos di…