Pular para o conteúdo principal

Novo chefe da Minustah deve investir ainda mais em futebol


18/4/2011 3:06,  Por Rádio ONU
General Luiz Ramos, que tomou posse no fim de março, diz que o esporte é uma grande ‘força inspiradora’ e uma fonte de amizade entre os haitianos e as tropas.
Crianças jogam no Haiti
O novo comandante das forças de paz das Nações Unidas no Haiti, Minustah, general Luiz Ramos, disse à Rádio ONU que deve investir mais em futebol como um dos componentes sociais da missão. Ele contou que “seria um grande sonho” conseguir levar a Seleção Brasileira de futebol de volta ao Haiti para um amistoso.
Em sua primeira entrevista no posto, Luiz Ramos afirmou que o futebol brasileiro é muito admirado pelos haitianos.
Crianças
“Eu pretendo, dentro da minha capacidade, fazer alguns esforços. Não vou dizer que não seria um sonho trazer novamente a Seleção Brasileira, claro que é muito difícil, mas (vamos) investir na área de esporte. A gente pode pegar as crianças que estão na rua e motivá-las a buscar algo dentro dessa dificuldade que o país vive. Vamos ver o que Deus me ajuda a trazer aqui para o Haiti”, contou.
Luiz Ramos tomou posse no último dia 31 março para um mandato de um ano no Haiti.
Ele afirmou que coordenar os trabalhos da Minustah nesta fase de transição do país, que acaba de escolher um novo Parlamento e o próximo presidente, é sua prioridade no posto.
“No meu caso, eu agora começo a ver que o desafio será dar continuidade a este momento de transição porque as eleições correram bem, graças a Deus, os resultado já foram anunciados. E há uma grande expectativa, e a nossa ideia é que possamos estar prontos para os desafios que possam surgir para o componente militar dentro da Minustah”, afirmou.
A Missão de Estabilização das Nações Unidas no Haiti é comandada por um oficial brasileiro desde sua fundação em 2004.

Postagens mais visitadas deste blog

Sopa Receita Joumou - Sopa da Liberdade!

Pra quem gosta de cultura e culinária, ta aí a Sopa da Liberdade!
Era um prato dos Colonizadores, e os escravos não tinham acesso, até à sua Independência. A partir daí, anualmente, no dia 1º de Janeiro (Dia da Independência) eles a celebram degustando essa prato tipicamente Haitiano. Uma boa dica para as Feiras Missionárias no Brasil!
Sopa Receita Joumou
Sexta-feira, 4 de marco de 2011 16:24



O prato monumental da Revolução haitiana, Sopa Joumou, sopa de abóbora, E o Prato De conquistadores. E tradicionalmente servido no Dia da Independência do Haiti, 01 de janeiro, Como hum começo Saudável par o Outro ANO.

Ingredientes
- 1 kg de carne faça Pescoço OU rabo de boi
- 1/2 limão
- Sal fino
- Esmagado pimenta preta
- Água (Suficiente parágrafo cobrir uma carne; Mais Água podem Ser adicionados Mais Tarde parágrafo ajustar uma consistência)
- 2 kg abóbora, descascados e cubbed (alternadamente, utilizar abóbora enlatada)
- 1 cebola Pequena Cortada los cubos
- 2 Talos cebolinha verde picada
- 4 Dentes de…

Pós Furacão Matthew... oportunidade de fazer a diferença!

Nossa família e Equipe missionária estão bem, graças a Deus!
Já estivemos lá na região analisando os danos, prestando uma ajuda inicial a algumas famílias, e elaboramos uma proposta de Plano de Ação Emergencial para nossa agência. Estamos aguardando a decisão do Gabinete de Crise da Junta para agir em favor das vítimas. Ore por isso, ok?
Nesse momento o que é mais urgente é alimento e a restauração dos telhados e casas afetadas pelos ventos. Como a logística de armazenamento, transporte e envio do Brasil para o Haiti é bastante cara, demorada e vulnerável a questões aduaneiras, nossa sugestão é para que enviem recursos financeiros, e o que for arrecadado aí, como roupas, sapatos e outros itens, vocês realizem Bazares e Eventos (almoços ou jantares) para reverter os itens arrecadados em recurso financeiro que será bem mais facilmente transferido e revertido aqui na economia local, em alimentos e materiais de construção.
Para ajudar:
1) Através do "Ajude Agora Haiti" coordenad…